A magia do desapego

A dualidade de medos e desejos

O apego é, segundo definição Budista, uma das causas do sofrimento. E realmente tem sido assim, desde o principio dos tempos…

Desejamos algo para suprir nossas necessidades ou carências.

Na sequência, tememos perder este algo (que pode ser um bem, um trabalho, um título, uma pessoa…).

O apego, portanto, é uma moeda de duas faces: desejos e medos, avidez e aversão.

E o mais interessante é que a maioria das pessoas realiza suas conquistas através das duas polaridades desta energia. Por isso, podemos dizer que boa parte do que criamos em nossa vida parte destes princípios: atraímos não somente o que desejamos, mas também o que tememos…

E sem perceber, nos enrolamos ainda mais dentro do Maya – a ilusão que permeia o mundo, tecida à partir de nossas próprias fantasias pessoais.

Podemos iniciar um trabalho de libertação se canalizarmos os desejos para finalidades e objetivos cada vez mais elevados. Essa é a forma mais simples e direta de iniciarmos uma profunda transformação.

No entanto, existe uma maneira superior de criar uma realidade sem esforço: desapegando-se de tudo, renunciando aos frutos de nossas ações.

O grande paradoxo do desapego é justamente este: quanto mais nos afastamos do objeto de nosso desejo, mais naturalmente ele vem. Fantástico não?!

Embora simples, este é um permanente exercício de confiança e Fé no invisível. É viver cada dia na certeza de que todas as nossas necessidades já foram atendidas, e que tudo aquilo que precisamos para o nosso crescimento é exatamente aquilo que temos em minha vida, sempre!…

 

Siga-me!

Rafael Zen

Eu sou fascinado pelos mistérios e conexões entre o corpo, a mente e a consciência. E o que poderia existir de mais transformador do que o conhecimento de si mesmo?
Siga-me!

Últimos posts por Rafael Zen (exibir todos)

5 thoughts on “A magia do desapego

  1. GRATIDÃO RAFAEL PELOS MARAVILHOSOS VIDEOS! O DO DESAPEGO EXCELENTE EXPLICAÇÃO .ADOREI! O DA CRISE QUE ESTAMOS ATRAVESSANDO EU REALMENTE CONCORDO E JÁ FAZ MUITO TEMPO QUE NÃO ASSISTO TV,POIS REALMENTE ELA NÃO TRAZ NADA DE BOM! ULTIMAMENTE EU ESTOU MAIS FOCADA EM AGRADECER PELA VIDA ,A SAÚDE E TUDO O QUE TENHO E TUDO O QUE EU SOU E, ATRAVÉS DISSO MUITAS COISAS BOAS ESTÃO VINDO! GRATIDÃO

  2. Boa tarde Rafael.seus artigos são simplesomente incríveis.a simplicidade com que Vc consegue colocar coisas tão importantes.
    Eles são tão claros que sempre que eu os leio são uma reflexão do que preciso ouvir naquele momento.
    agradeço imensamente por ter conhecido Vc e o seu trabalho que leva através deste trabalho tanto crescimento e conhecimento espiritual.
    Como posso acessar o video: rótulos e julgamentos não estou encontrando no youtube.

  3. O senhor mexeu com o meu ego. Tocou no tendão de Aquiles. Realmente eu não tinha parado pra pensar que quanto mais obsessão ao desejo, mais a gente sofre. E ainda vem mais ânsia. Vou meditar. Já percebi que no momento em que a gente menos espera , vem. Eu acredito nas leis do universo.

Comente! Sua opinião é importante pra nós!