Reconexão Interior

Nós vivemos um momento único em nosso mundo: cada vez mais pessoas percebem sua realidade interior, seus sentimentos e pensamentos, e compreendem como toda essa bagagem nos influencia, constantemente, na criação do mundo em que individualmente vivemos.

Mas existe outro nível de percepção que ainda é um pouco raro: o da nossa própria energia.

Embora esse termo esteja se tornando comum pra descrever pessoas e lugares (quem nunca ouvi uma frase como “fulano tem uma energia muito ruim”), existe uma característica fascinante a respeito de entender o Universo em que vivemos através desta nova ótica: ao contrário de nossos pensamentos, que podem mudar rapidamente em função de nossos medos ou desejos, SENTIR A ENERGIA DAS COISAS NUNCA NOS ENGANA!

E este é o princípio deste método de investigação emocional e energética chamado Reconexão Interior: conhecer a verdade sobre pessoas e situações através da percepção direta dos campos energéticos envolvidos na questão.

E em se tratando de autoconhecimento, isso nos abre possibilidades praticamente infinitas.

Imagine, por exemplo, que você está indeciso a respeito de um relacionamento: se você pudesse sentir a energia dos envolvidos POR SI MESMO, visualizar o futuro deste relacionamento não se tornaria algo natural?

Ou ainda, precisa decidir sobre uma mudança (de trabalho, de cidade…). Racionalmente, podemos argumentar sobre os prós e contras de ambas as opções com riqueza de detalhes. Se eliminamos nossos medos, isso também iria colaborar pra decisão mais acertada. Mas se pudéssemos SENTIR a qualidade das opções que estão se abrindo em nossa vida, a decisão não seria muito mais simples?

Existem certos hábitos ou comportamentos que muitas pessoas tem, mas que parecem inofensivos. Que tal se pudéssemos SENTIR a energia por traz deste comportamento?

O mesmo se aplica a todo tipo de bloqueios ou traumas: através do campo do SENTIR, nos aproximamos de suas raízes com mais profundidade.

E talvez você já ouviu falar sobre chacras e bioenergia: quando SENTIMOS nosso campo energético, isso deixa de ser teoria!

Reconexão Interior é um método de expansão da consciência que permite, entre outras coisas, que a pessoa reconheça por si mesma níveis e frequências mais profundos de seu próprio Ser. É um método poderoso de investigação sutil da energia e consciência, indo muito além de qualquer técnica discursiva, permitindo a experiência metafísica direta da consciência livre de condicionamentos, das respostas simples e intuitivas (este é o método utilizado para atingir regressões de memória e vidas passadas: expandindo a consciência e a percepção e procurando sistematicamente as raízes de nosso sofrimento).

É uma forma de obter conhecimento direto,  baseando-se primordialmente na experiência pessoal.

Um novo Estado de Ser

Conforme vamos aprendendo sobre este novo modo de perceber o mundo e a nós mesmos, uma transformação radical ocorre em nosso modo de viver: abandonamos os constantes conflitos mentais e passamos a confiar cada vez mais em nosso Ser, em nosso “sentir”, em nossa percepção mais sutil e intuitiva. A mente, então, passa a ocupar seu lugar de direito: como um silencioso e eficiente secretário, não mais o senhor da nossa vida. Neste estado, as ações mais simples, como estar no aqui e no agora, tornam-se algo vibrante, natural e sem esforço. Nos sentimos abençoados apenas por estarmos vivos!

Reconexão Interior

Quando isso ocorre, deixamos para traz as intermináveis histórias da mente e seus constantes conflitos, e retornamos ao contato com a Fonte. Neste novo modo, o coração ocupa um papel central, nos conferindo a intuição, o amor, a compaixão e alegria constantes.

Percebemos então que tudo que precisamos já se encontra conosco, desde sempre. Apenas não tínhamos olhos pra ver, nem ouvidos pra escutar esta dimensão sutil.

Passamos a perceber então que viver é muito simples…

…e que a vida conspirou conosco desde sempre, mas nós nunca tínhamos percebido isso.

Perdemos a capacidade de sofrer, porque isso era só uma consequência do sonho em que estávamos.

Ganhamos profundidade a níveis que jamais imaginávamos que fosse possível.

E tudo se torna natural e fluído porque esta é nossa Verdadeira Natureza.